Confissão depois da Separação

23 de Março de 2018 Sem Cabelo Aventura 774

Reportagem especial (UOL)
Dona de Casa revela na Internet: A pílula milagrosa que curou a disfunção erétil do MARIDÃO pra sempre! Ler matéria


Esta confissão aconteceu de verdade! Foram quase 3 anos de vivencia que terminaram por problemas do quotidiana que não vou relatar aqui! Ela, (minha ex-mulher) é uma mulher linda! 1,68, pele morena clara, cabelo liso e loiros! Seios redondinhos na medida certa, sarada, bunda e pernas torneadas! Cobiçada por qualquer homem e até por mulheres... No final do primeiro ano, tivemos uma separação! Eu fui murar em outra cidade, estivemos sem falar e ver, por algum tempo, até que depois ela quis voltar, me procurou!... Fizemos as pazes, foi muito lindo e maravilhoso e voltei para casa, depois de me organizar profissionalmente! Demorou cerca de um mês... Cerca de dois anos depois nos separamos de vez, sem mais volta!... Agora, neste Natal de 2017, um ano depois da nossa separação, voltou a procurar-me, querendo muito saber como eu estou, o que faço, com quem estou! Aquelas coisas de mulher que quer saber se você ainda gosta dela! Voltamos a ser amigos e recordamos algumas coisas boas... falamos de tudo um pouco! Trabalho, vida, relacionamentos, sexo etc... e conversa vai conversa vem, até que ela me faz uma pergunta com ar de querer falar algo que ficou por falar! Assim: E você me traio durante nossa união!? Brincamos um pouco com o fato e combinamos contar um para o outro, sentindo logo de inicio que ela queria muito contar algo... Lhe contei o que aconteceu comigo, lhe tirei algumas duvidas que ela tinha em relação a algumas desconfianças, mas nada de especial! Depois foi a vez dela, que passo a transcrever alguns excertos do nosso whats! E com você rolou alguma traição? - Sim, na verdade rolou. (vieram mil pedidos de perdão) Sério? Então fale o que aconteceu!... - Tudo começou ainda durante a nossa separação! Na faculdade tinha um cara que andava atras de mim, mas eu não gostava da maneira como ele me abordava, fazia-o de uma forma pouco cuidadosa e até convencida, por saber que eu estava solteira e por isso não dava bola para ele! Embora fosse bonito e sedutor!... E que te fez mudar de opinião? - Na faculdade a turma ficava conversando sempre até tarde, ele sempre ficava para o fim e fazia questão de me ir levar ao carro, pois era perigoso uma mulher ir sozinha de noite pela rua, dizia ele, e era verdade! Um dia, meu carro estava trancado entre outros dois e eu não ia conseguir tira-lo, se ofereceu para fazer a manobra, como estava chovendo, eu entrei para o lado direito, o carro saiu e fomos andando até perto do carro dele! Como estava chovendo ficamos um pouco esperando a chuva passar, ele puxou um papo de sentimento e se declarou, colocando a mão em cima da minha perna, eu fiquei estática e não fiz nada, e ele olhando nos olhos fixamente me deu um beijo! Nem reagi e só pedi para ele sair... Fiquei confusa e evitava-o, mas as coisas foram evoluindo lentamente, sempre que me ia levar ao carro agente acabava por se beijar. E porque me foi procurar? - Eu não o queria, eu queria você, queria uma família!... ele era casado também, aquilo só aconteceu porque você não estava! A rotina se manteve, mas nada de especial, inclusive no dia que você veio de viajem eu estive com ele no carro, nos beijamos em jeito de despedida, eu falei que estávamos voltando e que tínhamos que terminar por ali. E terminou... Você voltou, ia buscar-me na faculdade e ele saiu de cena, mas sempre nos víamos e nos cumprimentávamos na faculdade. Tá, e o que aconteceu então? - O problema veio quando nós voltamos a brigar, eu fiquei triste e em baixo, ele me viu assim e perguntou o que eu tinha, me convidando para sair dali e irmos falar... fui e contei a ele o que tinha acontecido!... Ele falou aquelas coisas bonitas que uma mulher quer ouvir nesses momentos, que eu era muito linda e boa para sofrer assim e tal... me deu um abraço e nos beijamos de novo, a partir desse dia as coisas tiveram uma rápida e intensa evolução! Como me ias buscar à faculdade, matávamos aulas para estarmos juntos. Onde se encontravam? - Ficávamos na faculdade, não queria ser vista, ficavamos nos corredores, garagem e num banheiros do fundo quando havia pouca gente... Trazavam na Faculdade? - Penetração nunca aconteceu, porque logo logo fomos para estagio, mas fazíamos sexo oral! Eu levava saias e vestidos para facilitar. Lembra que chegava em casa sem calcinha e você me perguntava porque estava sem e eu dizia que tirava porque você gostava... Então vinha toda lambuzada. Quando transaram pela primeira vez? - Foi no estagio, matamos umas aulas e fomos para o Motel, chegando em casa dentro do horário normal, para que você nada desconfiasse... Conte tudo que aconteceu...- Um dia que você me perguntou, porque eu ia tão linda para o estágio, eu estava de calça creme e top laranja, salto alto creme e lingerie perola que você me deu, eu disse que todo mundo ia bem arranjado e que me senti mal das outras vezes... Antes de irmos, ele me pede para tirar a Lingerie, repliquei, mas ele insistiu e disse que tinha de ser... lá fui no banheiro, que ficava no refeitório, como era hora de almoço, senti vergonha em passar pelos colegas, que já desconfiavam que eu e ele andávamos, sai disfarçando para ninguém notar, mas quem olhou viu que não tinha nada, as calças eram meio que transparentes e justas, via-se perfeitamente que estava sem calcinha e o top mostrava os meus bicos espetados. Essa cena me deu uma adrenalina muito grande e muito tesão... Entrei no carro, saímos do parque e já rolou um grande beijo e a maços... Chegando no motel, subimos, confesso que estava nervosa, mas louca de tesão, nos beijamos muito fomos nos despindo lentamente até ficarmos nozinhos, apenas fiquei de salto alto... Transamos gostoso.Você deu o Cu para ele? - Sim, de inicio pensei que seria só seu, mas depois liberei tudo... Teve uma vez que você me ligou e eu falei muito dengosa, dizendo que hoje estava com muita vontade de transar, mas que não podia falar muito porque estava em aula, nesse dia eu estava dando de 4 e quando te atendi, assim que te atendi ele tira da buceta e mete no meu cuzinho, nossa que sensação, nem pude gritar, te despachei rápido e lhe chamei filho da puta e ele ficou com ciumes me perguntando se era o meu marido corno... Deixou ele gozar na sua boca? - Isso já tinha acontecido logo de inicio na faculdade! Ele ia na minha frente e me ligava dizendo que o caminho estava livre, por vezes tínhamos pouco tempo e eu chupava direto até ao fim, engolia tudo e ia para casa, sem calcinha e com porra na boca... Como se sentia depois! Me arrependia, mas depois voltava tudo de novo, mas me sentia amada e querida por 2 homens, estava me sentindo realizada... Ela, ainda me contou outras vezes, que de algumas me lembro de alguns acontecimentos estranhos, que se quiserem saber me escrevam que conto, para não me alongar aqui, [email protected]


Reportagem especial (UOL)
Dona de Casa revela na Internet: A pílula milagrosa que curou a disfunção erétil do MARIDÃO pra sempre! Ler matéria


Leia também
Incrível, Fantástico, Extraordinário há 11 horas

Incrível, Fantástico, Extraordinário A garotinha caminhava...
marcela Fantasias 12


Uma tarde que mudou toda a vida de Ritinha - 3 cap há 16 horas

UMA TARDE QUE MUDOU TODA A VIDA DE RITINHA – 3 CAP. Correu sem olh...
marcela Fetiches 7


Uma tarde que mudou toda a vida de Ritinha - 2 cap há 16 horas

UMA TARDE INFELIZ QUE MUDOU TODA A VIDA DE RITINHA – 2 CAP. À por...
marcela Fetiches 8


Uma tarde infeliz que mudou toda a vida de Ritinha há 16 horas

UMA TARDE INFELIZ, QUE MUDOU TODA A VIDA DE RITINHA – 1 CAP. Maria...
marcela Fetiches 17


Meu tio fudeu minha bucetinha ,sexo delicia há 21 horas

Outro dia fui com meus tios para uma cidade litoranea, mal sabia que titio...
laureen Incesto 20


Teo Bobo e a virgem há 21 horas

Teo Bobo e a virgem Teodoro é filho de dona Matilde a dona da mercearia...
marcela Fetiches 14