Prima no controle...

01 de Julho de 2014 challenger Contos Eróticos 3168

Reportagem especial (UOL)
Dona de Casa revela na Internet: A pílula milagrosa que curou a disfunção erétil do MARIDÃO pra sempre! Ler matéria


Priscila
sempre foi uma priminha na dela, nunca chamou minha atenção, a não
ser pelo fato de ser sempre “boca suja” e falar algumas coisas na
lata. Nunca curtia “modinhas”, se vestindo do jeito que dava na
“telha”.


Brigara
com o pai, por causa da faculdade, acho eu e foi para a minha casa,
mais para conversar com a minha irmã do que reclamar sua vida para
mim. Como eu não sou da área sentimental, ofereci vodka, com alguns
drinques que sabia preparar. No jardim, ela com um vestido marrom,
onde eu poderia ver suas belas coxas, ela me atiçou quando já mais
bêbada como nunca, se escorou com o corpo contra o meu. Sozinhos,
pensei em levá-la para o meu quarto, mas ela, mais que depressa,
começou suas investidas. Primeiro rebolando de leve, sua bunda no
meu pênis. Ela ria e agora começou a me beijar no pescoço. Cara
pode ser até minha irmã, mas beijo no pescoço eu fico louco de
excitação.


Tão
louco que eu a agarrei pelas coxas e a levantei, encostada na árvore
que nos dava sombra e comecei um vai e vem gostoso, assim mesmo, de
roupa. Quando ela disse que estava louca por sexo, não fiz questão
do lugar.


Deitei
na grama, eu por baixo, com meu short e cueca na altura dos joelhos.
Ela, ainda em pé, tirou sua calcinha e veio por cima. Sentou com
dificuldade, pois devia ter um tempo que não havia transado. Sua
bucetinha estava bem apertadinha. Queria ver seus seios, o resto do
seu corpo, mas queria mais do que tudo, ver como a minha prima, tão
quieta iria se sair. Ela cavalgava lentamente e gostoso, gemendo para
si. De olhos fechados, mordendo seus lábios, via no seu rosto o
prazer que sentia. Ela balançava seus cabelos e fazia umas bocas que
me deixou excitado. O cheiro do seu corpo, junto com o suor, era um
perfume delicioso, onde impregnava por todo o meu corpo.


Vê-la
gozar e gemer foi tudo para mim, que mesmo eu não tendo gozado, me
senti feliz por ter dado prazer a ela. Ficamos abraçados por algum
tempo, ela em cima de mim, respirando profundamente. Achei que
ficaria com vergonha ao se levantar, mas seu sorriso e seu
agradecimento ao falar comigo bem pertinho da orelha, era melhor do
que ter gozado com qualquer outra mulher. Senti-me feliz o dia todo,
mas quando precisei, lembrei dela antes de dormir, um pouco mais
suado e cansado...


Reportagem especial (UOL)
Dona de Casa revela na Internet: A pílula milagrosa que curou a disfunção erétil do MARIDÃO pra sempre! Ler matéria

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Cópia, distribuição e execução são autorizadas desde que citados os créditos.

Leia também
buceta deliciosa da minha tia há 15 dias

Minha tia é uma mulher de 39 anos, uma coroa muito enxuta, toda trabalhada...
laureen Incesto 39


quando fui comer um cuzinho apareceu uma bucetinha há 16 dias

quando fui comer um cuzinho apareceu uma bucetinha tb demais sexo gostoso r...
laureen Grupal 85


Fodendo Gostoso com o Veterinário da nossa Fazenda há 16 dias

"Fui tomar um banho antes que faltasse luz, eu estava em um misto de apr...
dammasafada Aventura 68


ENTRE TAPAS E BEIJOS COM MINHA TARADA! há 16 dias

Há anos que não visitava aquela cidade litorânea e como teria que ficar ...
luiz_sanches Hetero 51


Futebol e Sexo - Sempre tem um cuidando do alheio há 18 dias

Herbert e Luzia, um casal jovem, ele com seus 23 anos e ela com seus 19 ani...
juck Aventura 72


Como desvirginei a putinha de minha filha delicia há 19 dias

Como desvirginei a putinha de minha filha, delicioso tesão demais,bucetinh...
laureen Incesto 262