Ela Deu Um Giro Na Minha Rola

28 de Julho de 2014 EMILIO SANCHEZ Contos Eróticos 2451

Reportagem especial (UOL)
Dona de Casa revela na Internet: A pílula milagrosa que curou a disfunção erétil do MARIDÃO pra sempre! Ler matéria


Ela deu um giro na minha rola

Rebolou até o chão

Enquanto dançava

Brincava com minha rola

Seduzia seu corpo

Falava foneticamente

Todas as vogais,as consoantes já foram esquecidas

Toda nua

Dançava sem parar na minha rola

Enquanto eu ficava sem reação

Me beijava com sua emoção à flor da pele

E engraçadinha ficava rindo da minha cara de assustado

Falava Seu bobinho

Adorava esses modos secretos

De me atacar

E me deixar com água na boca

Sempre

Mas também lhe amava

Girando minha rola

Sem parar

Sem cansar

Até o sol raiar



Reportagem especial (UOL)
Dona de Casa revela na Internet: A pílula milagrosa que curou a disfunção erétil do MARIDÃO pra sempre! Ler matéria

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem permissão do autor.

Leia também
buceta deliciosa da minha tia há 14 dias

Minha tia é uma mulher de 39 anos, uma coroa muito enxuta, toda trabalhada...
laureen Incesto 30


quando fui comer um cuzinho apareceu uma bucetinha há 15 dias

quando fui comer um cuzinho apareceu uma bucetinha tb demais sexo gostoso r...
laureen Grupal 74


Fodendo Gostoso com o Veterinário da nossa Fazenda há 15 dias

"Fui tomar um banho antes que faltasse luz, eu estava em um misto de apr...
dammasafada Aventura 61


ENTRE TAPAS E BEIJOS COM MINHA TARADA! há 15 dias

Há anos que não visitava aquela cidade litorânea e como teria que ficar ...
luiz_sanches Hetero 47


Futebol e Sexo - Sempre tem um cuidando do alheio há 17 dias

Herbert e Luzia, um casal jovem, ele com seus 23 anos e ela com seus 19 ani...
juck Aventura 67


Como desvirginei a putinha de minha filha delicia há 19 dias

Como desvirginei a putinha de minha filha, delicioso tesão demais,bucetinh...
laureen Incesto 236