Comendo a Professora parte 1 de 2

19 de Setembro de 2014 Will Contos Eróticos 10575

Reportagem especial (UOL)
Dona de Casa revela na Internet: A pílula milagrosa que curou a disfunção erétil do MARIDÃO pra sempre! Ler matéria


Essa história começa a uns 3 anos atrás, quando estava terminando meu terceirão, eu estava em uma grande fase, (18 anos, com carro novo, ganhando bem, morando sozinho pois meus pais decidiram voltar a morar no sitio da família, e eu fiquei morando na cidade), era festa todo dia, comia duas a três mulheres durante a semana. Eu estudava no período da noite, para conciliar com o trabalho.

Um dia fui para aula, achando que seria mais um dia normal, mais não foi, minha professora velha e chata, de português cujo nome Lucia não foi dar aula, em seu lugar foi uma professora substituta que dava aula para o ensino fundamental, mais que iria quebrar um galho durante a semana que ela ficaria afastada. O nome dela era Gabriela, uma deusa, 25 anos, 1 metro e 65 centimetros, pele branca, cabelos levemente enrolados castanhos, com os olhos azuis, um rosto que parecia uma boneca, com um corpão, cintura fina, uma bunda grande que concerteza tinha mais de 1 metro, peitos médios bem redondos, muito gostosa; ela chegava sempre para dar aula, com uma calça jeans, que ficava estourando na sua bunda, e com folga na cintura; um salto alto, que ressaltava sua bunda, e uma blusinha de botão normalmente branca, e sempre bem perfumada. Ela passava nos corredores, a ala masculina ia a loucura, todos queriam comer ela.

Passou a semana dela dar aula, e tudo voltou ao normal, então passou algumas semanas, estava conversando com minha professora de artes, era bem gente boa tinha 26 anos era bem parceira, ia nas festas com a galera, ela soltou para mim: tenho uma amiga que te acha muito gato, eu logo curioso pedi: quem, ela: falou se contar pra alguém da problema, eu falei: capais fale ai. Ela então me contou: lembra a Gabi, que veio dar aula pra vocês uns dias atrás, eu: oooooo se lembro, ela: então ela ta bem louca pra de pegar, eu falei: mais fecho eu também to bem louco pra pegar ela, então ela falou: deixei pra mim então que vou dar uma jeito, sexta depois da aula vou levar ela no pub, vai la comigo e chegue nela, eu: deixei pra mim então.
Sexta depois da aula, fui pro pub, peguei uma cerveja e fiquei na espera, logo chegaram as duas, ela estava toda gostosa, com uma calça de coro preta bem apertada, salto alto, uma blusinha azul bebe quase transparente colocada dentro da calça, maquiada para chamar a atenção, entrou e levou todos os olhares, e la foram as duas sentaram em uma mesa, eu terminei minha cerveja e fui la, cheguei e cumprimentei as duas, paguei umas rodada de cerveja, puxei papo, e a coisa começou animar, começou uma musica ao vivo, nos levantamos, e começamos dançar timidamente, e la foi cachaça, já era passada das 2 e meia, minha professora de artes chegou e falou: agora e a hora chega nela e chama pra ir la fora; ela já estava acompanhada.

Então cheguei e falei no ouvido da Gabi: vamos la fora um pouco pegar um ar, ela concordou, peguei em sua mão, e saímos, quando chegamos do lado de fora ataquei, a abracei e falei: quero um beijo teu, a beijei que boca gostosa, então ela falou: para seu loco se verem a gente aqui vai da um problemão, eu falei: vem comigo então. Entramos no meu carro, e voltamos a nos pegar o clima esquentou, minha mão percorria seu corpo inteiro, estávamos no meio da rua, então ela falou: vamos para outro lugar.

Fomos para minha casa, entramos ela meio tímida falou: e aqui que você mora, bem legal aqui, eu: e bem legal e você ta aqui, a peguei com vontade a beijei, já estava louco a levei ate meu quarto a derrubei na cama, e fui por cima descendo minha boca pelo seu pescoço, minha mão passando pela bunda, comecei abrir sua blusa, e chupando o meio de seus peitos, tirei a blusa abri o sutiã o tirei e cai de boca naqueles peitos rosadinhos dela, que já estavam durinhos, chupei com vontade, e fui descendo pela sua barriga, tirei seus salto alto e sua calça, estava com uma calcinha fio dental preta de renda uma delicia, ela tirou minha camisa, eu já tirei minhas calças ficando só de cueca, ela me empurrou para fora da cama, e veio de joelhos na minha frente, tirou minha cueca e começou a me punhetar, então colocou meu pau na boca, e começou a chupar, que delicia era um tesão ver ela chupando meu pau, ela colocava a cabeça na boca e punhetava, depois tirava passava a língua e voltava a abocanhar meu pau que delicia.

Eu não ia aquentar então a puxei, e mandei ela ficar de quatro na cama, ela empinou aquele rabo lindo dela, eu passei a língua na bunda dela, tirei a calcinha, e cai de boca na boceta rosada dela que estava bem molhada, que gosto maravilhoso, a chupava ela gemia, não me contentei com a boceta e subi minha língua no cuzinho dela, enquanto metia meu dedo dentro da boceta dela, ela estava indo a loucura, então ela se deitou e virou eu voltei a chupar aquela boceta, ela me olhava e puxava meu cabelo, eu chupava um pouco a boceta um pouco o cuzinho dela, era uma delicia sentir o gosto dela.

Comecei esfregar meu pau na boceta dela, ate encaixar então comecei a meter gostoso nela, metia com vontade, ela gemia muito, depois de um tempo ela quis vir por cima, veio e começou a cavalgar nossa ela rebolava muito em cima do meu pau, rebolava e voltava a cavalgar, eu chupava aqueles peitos gostosos dela, e batia na bunda dela, ela aumentava a velocidade da cavalgada era um tesão, ela começou a gemer mais e mais forte logo percebi ela tinha gozado gostoso.

Eu a tirei de cima de mim, e chupei a boceta dela tinha que experimentar o gozo dela, que era uma delicia por sinal, e fui por cima metendo, meti com força era um tesão ver meu pau metendo nela, e olhar a cara que ela fazia, a coloquei de quatro e meti com vontade nela, ela tava com tanto tesão que gritava vai soca nessa boceta, vai me come gostoso, vai gostoso, e me pediu que gozar a onde eu falei: na tua boquinha gostosa você deixa ela: deixo, então meti com tudo ela gozou então tirei de dentro dela, ela se virou e abocanhou meu pau, eu enchi a boca dela de porra, gozei tanto que não cabia tudo na boca dela e escoria pelos lábios dela foi uma delicia.

Na próxima conto como foi comer o cuzinho dela, te a próxima.


Reportagem especial (UOL)
Dona de Casa revela na Internet: A pílula milagrosa que curou a disfunção erétil do MARIDÃO pra sempre! Ler matéria


Leia também
Agarrei a bunda gostosa da coroa ruiva no ônibus. há 10 horas

Olá, me chamo Marcos e amo uma boa oportunidade de tocar em bundas, mas va...
ylovearrimon Aventura 93


Nanda - Bombadas no Ano Novo há 16 horas

Nanda – Bombadas no Ano Novo (Conto Real) Uma amiga em comum nos apres...
kasa Heterosexual 79


Meu natal com a Fer, a ultima foda antes da viagem há 1 dia

Olá galera esse será o último conto antes da viagem,,,,,,,,, o meu Nata...
bodiar Exibicionismo 120


DE VOLTA À PIZZARIA - Capítulo 12 há 2 dias

DE VOLTA À PIZZARIA CAPÍTULO 12 ATENÇÃO ESSE É O DÉCIMO SEGUNDO ...
carlaomg Aventura 69


MINHA FILHA MINHA AMANTE MEU TESÃO há 2 dias

Sou Leo ,tenho 40 amos , 02 filhos, sendo uma filha na época de minha juv...
laureen Incesto 622


Fudi titia com meu tio ao meu lado tesão gostoso há 2 dias

Sou Ricardinho.....tenho 20 anos,louco para fuder buceta de todas as idades...
laureen Traição/Corno 559