Traindo Com Seu Amigo

08 de Maio de 2014 EMILIO SANCHEZ Contos Eróticos 8751

Reportagem especial (UOL)
Dona de Casa revela na Internet: A pílula milagrosa que curou a disfunção erétil do MARIDÃO pra sempre! Ler matéria




"Entrava saía,entrava,saía,com o pau rebolando
com aquela bunda linda sem celulite"

Manuela Sdfrejuh é uma moça de 26
anos,cujo talento principal é carpe diem,amava estudar,gostava de ler,possuía
um gênio agradável de conviver e uma bela voz na qual contribuiu muito por ser
agraciada por tantos “babadores de mulher bonita”,porém,era casada.



Boca pequena,seios arbustos,gostosos e lindos,cintura fina,pés
pequenos,coxa fina,cabelos grandes e sedosos fazia qualquer homem ir à loucura
por causa da sua maneira e pelo seu intelecto invejável pelas mesmas
contribuiram nos tempos de escola ter um monte de inimigas ao seu redor.



Trabalhava em uma firma de soldagem,e tampouco se importava com a
profissão,já que era só ela de mulher,pelo fato de que a 4 anos atrás tinha
terminado a faculdade de psicologia na USP,porém,seu sobrenome era desafio,fez
por fazer,não “gostava”realmente da profissão,mas,sim para largar dos pais que
já estavam lhe incomodando muito.



Chegava do trabalho às 20:00 no ponto,e via-se seu marido Frank Shukisf
vendo novelas,documentários,futebol,ou seja,era um vagabundo de
primeira,mas,amava-o devido ser bom de sexo apenas isso que se uniram pela qual
estão hoje há 5 anos e meio.



Frank não apenas se agarrava no sexo que Manu lhe proporcionava,mas
sim,obrigava-o todos os dias a fazer para que conseguissem um filho um desejo
até então não realizado no casal,além disso nos finais de semana enchia a
cara,e xingava sua mulher para seus amigos de copo,afinal todos estão ali pelo
mesmo motivo.



Manu cansada de ver a mesma situação proporcionada diariamente,não
queria se ver acomodada os mesmos dias e a mesma situação angustiante e
dolorosa,pois,sabia de certa forma que não era desejada e nem tampouco
realizada no sexo proporcionado nesses últimos tempos,então,resolveu traçar uma
estratégia:fazer ele de corno!



A mulher madura,sabia que podia contar com um amigo que conheceu de faculdade Korono,um japonês
muito do safado,que já tentou diversas vezes ficar com ela,porém,nunca deixou
se aproximar mais do que uma amizade o então chamado friendzone(para os
adolescentes da sociedade moderna).



Ela sabia apenas que era rico e mais nada e como tinha seu numero ligou
pra ele:



-Alô!



-Alô,quem fala  Disse Korono



-Manu da faculdade lembra¿Disse a moça



-Manu,há quanto tempo hein,o que anda fazendo¿



-Nada demais apenas no mesmo trabalho de sempre,a soldagem¿



-Soldagem¿ Perguntou surpreso



-É que depois que eu formei,percebi que não valia a pena ser
psicóloga,pois,já sou doida de natureza kkkkk.Brincou Manu



-Ah entendi!



-Podemos nos encontrar,to precisando de falar urgentemente contigo.



-O que¿



-Segredo.



-Pode te pegar às 22:00 hoje¿



-Pode.



Após o trabalho como de costume,pegou seu carro e foi pra casa como
normalmente faz.Chegando em casa fez um lanche pra lá de especial,pois,sabia
que aquela noite seria daquelas de arrasar;pensou que teria uma festa e então
ficou toda gostosa embora fosse de natureza.



Colocou sua calcinha fio dental ,um sutiã que desse para mostrar teus
lindos seios e um vestido em que aparecia suas costas,estava demais!Pegou seu
Luís XV e foi esperar lá fora o japonês,enquanto seu marido rosnava feito um
porco devido à um monte de porcaria que tinha comido horas atrás antes dela
chegar(onde normalmente só acordava no dia seguinte).



Eram 22hrs quando pontualmente o cara chegou,em uma lata velha com
estofado perfurado,para brisa quebrado,e marcha-ré não funcionava direito,Manu
achou até divertido esse primeiro encontro,já que sempre lhe informou que era
muito rico e falava sempre que ia levar um lugar especial se caso deixasse ela
ficar com ele,e,foram indo devagarosamente com aquela fubica véia toda
arrombada.Demoraram cerca de 1hr e meia até chegar no destino final sem falarem
nenhuma palavra.



Ao chegarem no local indicado,Manu percebeu que não era dos sonhos,e,sim
uma fazenda com uma criação de boi,vaca,touro,galinha,macaco ,peixes,e até
capivara!Manu se assustou e falou:



-O que isso¿



-A minha hall city!



-Hall city fudida desse jeito¿



-Não amor.



-Mas pelo menos tem cama neh¿



-Porque¿



-Porque vou te dar uma chance pra você hoje!



-Se eu soubesse teria arrumado pra você.



-Onde você dorme então¿



-Junto com os bois e as vacas!



Manu começava a se arrepender,mas,continuou firme pois como queria
dar,teria que experientar outras sensações,mesmo que seja de certa forma fora
de costume!



Então na estradinha,sem nenhum conforto ,começaram a se pegar,beijando
carinhosamente como dois desconhecidos,afinal,ele jamais saberia que algum dia
estaria nos braços de Manuela.



Aos poucos no seu estilo selvagem
de ser,Korono rasgou seu vestido,deixando apenas a ninfeta de calcinha e
sutiã,ambas de cor branca,pela qual ardentemente houve um êxtase de prazer que
se prescrevesse sob medicação qualquer pessoa teria um infarto,de tanta “fome”que
os dois estavam,um por falta de homem bom outro por falta de mulher (o ultimo
relacionamento foi a 2anos e meio),ambos estavam numa seca danada.



Já se passavam das 23h00 e aos mugidos da vaca e do boi, Korono começou
lentamente a rasgar a calcinha novinha que tinha comprado para Frank,só que ao
rasgar percebeu que ela tinha gozado rapidamente;deu uma enxugadinha básica com
a língua na xota deliciosa para excitá-la novamente para que assim penetrasse
constantemente,era um fogo jamais visto,talvez fosse um pro outro,só que ambos
não perceberam mas,que serviram pra tirar o atraso de “séculos”.



O jovem de apenas 26 anos,queria meter fortemente no cuzinho,mas,ela não
deixava de maneira nenhuma,porém,pediu que se fizesse nunca mais iria procurar
ela,fez,entrava saía,entrava,saía,com o pau rebolando com aquela bunda linda
sem celulite,continuava gozando sem parar,entrava saía,entrava saía, entrava
saía,sem hora pra acabar,em beijo a beijo,sedução por sedução,tesão por
tesão,ficar por ficar.



-Ma peraí não vai querer boquete não¿Eu te pago 300por cada
boquete,topa¿



-Não há preço que pague de te ver gozando.Falou o homem.



Desde então começaram toda noite a se encontrar às escondidas sem que
Frank percebesse qualquer atitude da sua dama.



Reportagem especial (UOL)
Dona de Casa revela na Internet: A pílula milagrosa que curou a disfunção erétil do MARIDÃO pra sempre! Ler matéria

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem permissão do autor.

Leia também
A história verdadeira de Lia,seus sonhos e desejos há 2 dias

Sou Lia,18 anos e a história que começo a narrar mudou minha vida... T...
laureen Virgindade 29


Voltei mas pedi seu cuzinho virgem há 2 dias

Voltei mas pedi seu cuzinho virgem como prova de amor ...sexo delicioso,tes...
laureen Virgindade 44


Vizinho jovem safado e seu primo me fuderam há 2 dias

Vizinho jovem safado e seu primo me fuderam Leo me deixava louca, estava ...
laureen Grupal 65


fuderam a bucetinha da minha namorada há 2 dias

fuderam a bucetinha da minha namorada liberal,sexo total delicia Meus mome...
laureen Grupal 37


Mana dormiu em casa e meu marido mandou rola há 2 dias

Minha irmã safada e fogosa adoro rola atolada na sua bucetinha e cuzinho d...
laureen Grupal 75


Davi no tempo certo, fez a Fer sentir o pau duro d há 4 dias

Davi no tempo certo, fez a Fer sentir o pau duro dele, a vagabunda pirou de...
bodiar Traição/Corno 55