fudendo a bucetinha da colega de escola delicia

25 de Maio de 2018 laureen Heterosexual 354

Reportagem especial (UOL)
Dona de Casa revela na Internet: A pílula milagrosa que curou a disfunção erétil do MARIDÃO pra sempre! Ler matéria


Eu com 18 anos e ela mais de 30 e divorciada. Começamos uma amizade dentro e fora de classe, fazíamos trabalho e atividades juntos, estudávamos juntos na biblioteca em época de provas e claro íamos ao bar juntos também.

Na época não havia whatsapp, conversavamos por SMS e às vezes trocávamos e-mail durante a tarde, eu ainda não trabalhava então tinha mais tempo livre o que era bom porque eu a ensinava a matéria antes das aulas.

No segundo semestre para completar a carga horária de aulas passamos a ter aulas também aos sábados, na parte da manhã. Lembro-me que realizamos uma prova em dupla, fiz a prova e saímos da sala, antes de descer as escadas para irmos embora havia uma sala aberta.

Já havia um tempo que ela sempre me abraçava, encostava seu pé em mim quando estávamos na aula, eu já estava louco de vontade de beijá-la. Puxei-a para dentro da sala, encostei na parede, enquanto ela com um sorriso no rosto dizia:

- O que você vai fazer? Alguém vai nos ver.

Segurei em sua cintura e a beijei, pela primeira vez senti seus lábios e ambos nos entregamos, nos beijando enquanto minhas mãos conheciam suas costas, fui descendo minha mão até quase seu bumbum quando ela segurou minha mão.

Fiquei com a mão em sua calça jeans, com meu dedo por dentro, na lateral, senti a alcinha fininha de sua calcinha, sua pela macia e sentia sua respiração ofegante. Paramos de nos beijar porque ouvimos um barulho e fomos embora de mãos dadas.

Passamos a semana nos beijando pelos cantos da universidade, qualquer oportunidade aproveitávamos. No sábado seguinte assistimos aula e na hora de ir embora ela me convidou para ir até seu apartamento. Normalmente saíamos das aulas de sábado e íamos a algum bar com nosso grupo.

aceitei o convite e fui até seu apartamento. Ela preparou um café e quando me serviu antes que eu pudesse alcançar a xícara, ainda na mesa da cozinha ela sentou no meu colo e me beijou.

Minhas mãos por baixo de sua blusinha alisavam suas costas, tão lisas e macias. Com ela no meu colo, fomos até seu quarto, na cama deitados ela tirava minha camiseta, tirei meu tênis, bermuda e abri o botão e o zíper de sua calça enquanto ela tirava seu sutiã e revelava seus lindos seios.

Sua calcinha branca, deixava transparecer seus lindos pelos escuros de sua buceta. Chupei seus seios e ao sentir seus mamilos na minha língua delirei de tesão!

Fui descendo, abaixando devagar sua calcinha, estava acostumado com bucetas depiladas e estava louco para chupar sua buceta. Já na primeira passada de lingua,e lambendo seu grelinho, sentindo o gosto do seu mel enquanto minhas mãos apertavam seus seios.

Em seguida nos beijamos e sua mão batia um punheta no meu pau duro e latejando de tesão. ela jogou seu cabelos para o lado, deitada de bruços na cama começou a chupar meu pau.

Eu olhava sua boca esticada abocanhando meu pau e só aumentava minha vontade de fodê-la! Sua cabeça se movia para cima e para baixo e sentia sua língua, sua boca envolvendo meu pau.

Ainda na cama, ela deitou-se costas com as pernas abertas, sua buceta peluda e molhada, seus seios lindos, seu sorriso, seu cabelo já bagunçado da nossa farra, seus pezinhos buscavam apoio no meu ombro e assim fui aos poucos penetrando sua buceta pela primeira vez.

Seus gemidos, sua expressão, nossa química estavam sensacionais! Metia gostoso em sua buceta, chupava seus seios e pescoço e senti que iria gozar. Sem pensar em mais nada gozei na sua bucetinha que delicia só de pensar minha rola baba de tesão ai ai ai.

Ficamos a tarde juntos, transamos mais uma vez e voltei para casa. ela foi a responsável por aflorar em mim duas coisas que eu gosto: Mulheres com bucetas deliciosas e peludas e mulheres mais velhas que sabem fuder bem gostoso
que delicia de buceta da minha colega só de escrever e pensar naquela buceta minha rola baba kkk
fim p


Reportagem especial (UOL)
Dona de Casa revela na Internet: A pílula milagrosa que curou a disfunção erétil do MARIDÃO pra sempre! Ler matéria


Leia também
Meu pai, meu amante há 11 horas

Meu pai, meu amante Meu nome é Ana Paula, tenho quatorze anos, tenho pe...
marcela Incesto 44


Amor, paixão e sexo 2 há 2 dias

Amor, paixão e sexo 2 Continuação de Amor, paixão e sexo Dora, en...
marcela Fetiches 27


Amor, paixão e sexo há 2 dias

Amor, paixão e sexo Dora tem 29 anos, casada com Rodrigo há 9, é mã...
marcela Fetiches 54


Meu tio é um safado há 2 dias

Meu tio é um safado - Que bom tio, senhor nos visitar. Faz uma semana ...
marcela Incesto 105


O pecado de Anne Marie há 2 dias

O pecado de Anne Marie Personagens: Albert Fresteim Esposo de Anne M...
marcela Incesto 44


Meu irmão tirou meu cabacinho gemi na sua rola há 2 dias

E a primeira vez que vou contar essa história, é uma historia real mesmo....
laureen Incesto 167