Perdi à virgindade,foi meu cabaço!(II)

11 de Setembro de 2017 As DammAs Virgindade 2047

Reportagem especial (UOL)
Dona de Casa revela na Internet: A pílula milagrosa que curou a disfunção erétil do MARIDÃO pra sempre! Ler matéria


Escrito por Deinha
"...e chupei gostoso, ele gemia e voltei a me dedicar a pica, queria leite, e queria leitinho na boquinha, eu bem safada pedia porra na boca e foi então que ele me deitou na cama, e se colocou em cima de mim de maneira que fizéssemos um 69, e me disse que eu só chupasse quando ele parasse de chupar minha bucetinha, e começou a enfiar aquela língua gostosa dentro de mim e a morder meu grelinho, quando percebeu que eu ia me acabar,parou e mandou eu chupar, e cai de boca na pica gostosa, e mamei muito..."


Depois da quinta-feira meus pais o convidaram para um churrasco, pois falei que estávamos namorando, nos falamos ao meio dia que foi quando fiz o convite, e avisei que ele seria o assador. A tardinha ele chegou já pronto para assar, estava de bombacha azul, camisa azul clara e um colete de couro marrom, alpargatas(um tipo chinelo uruguaio muito usado por aqui) e um cinto de couro cru, não esqueço até hoje algumas das roupas que ele usava, me beijou ardentemente, passou a mão na minha bunda, eu estava novamente de abrigo, assim ele poderia me tocar mais fácil e no ouvido dele avisei que estava sem calcinha.
Começamos o churras e a tomar caipa, logo o namorado da minha irmã chegou e ficamos em família conversando, e aí que surgiu o assunto de não poderem ir no finde para a estância, mas tinham que arrumar um jeito de levar uma peça nova para um trator, e foi quando ELE disse que poderia levar, pois não teria provas na segunda-feira, não precisaria estudar, e que sabia até como trocar a dita peça, eu reclamei que ele teria que passar o finde longe de mim, que estávamos começando a namorar e foi quando minha mãe disse que eu poderia ir junto,desde que voltássemos no mesmo dia, eu topei na hora imaginado as maiores sacanagens que poderíamos fazer embora não pudéssemos dormir lá.Logo que terminou o churras meus pais disseram que tínhamos que dormir cedinho e que era melhor ele ir para casa, mas combinamos de sair bem cedo para aproveitar o dia e ele foi para casa. :’-)
No outro dia ele ligou cedo, dizendo que já estava saindo de casa, eu disse que ele teria que esperar,pois eu ainda tomaria banho e me arrumaria. Fui correndo para o banho, rápida chuveirada,mas sem esquecer de passar meus cremes, escolhi uma calcinha preta,não coloquei sutiã, uma bombacha preta, camiseta preta e um blusão também preto, minha mãe quando me viu disse para eu levar alguma roupa, pois poderíamos nos sujar andando a cavalo ou caso eu tivesse que ajudar na bendita peça do trator.
Chegou, trocamos de carro, iríamos no carro do pai , nos despedimos, ele já havia trazido o chimas pronto e fomos para a estrada, 150 km, e conversamos sobre diversas coisas até que quase chegando na estância ele me perguntou porque eu não havia “DADO” para ninguém, eu falei que ninguém tinha me excitado, me deixado com tesão e vontade suficientes,
(ELE)-Puxa, logo tu que tem o tesão a flor da pele!
Eu disse que no máximo tinha chupado um ou dois e que nenhum havia chegado perto do que ele havia chegado, e em outros eu batia umas punhetas e levei umas dedas na xana.
Chegamos na estância, conversamos com o capataz e fomos ver o tal de trator, mas o que é bom ficou ruim, meus pais haviam comprado a peça errada e teríamos que voltar, mas ele deu a idéia de irmos até Pedras Altas ver se lá tinha a peça, e que como conhecia o dono deixaríamos para pagar depois, e assim fomos.
Lá o cara tinha a peça e topou trocarmos, fomos telefonar e meus pais disseram que tudo certo, que poderíamos trocar a peça desde que resolvêssemos o problema, e voltamos para a estância. Trocamos a peça mas já era tarde quando finalmente o trator funcionou, não conseguimos fazer “Nada”, nem ao menos andar a cavalo, mas o pessoal muito amigo dele, o nosso casal de caseiros, disse que não sairíamos sem jantar. Depois do jantar pegamos a estrada, era uma serração que não víamos nada, mal se via a estrada e a ponta do capô do carro, chegamos em Pedras Altas e telefonamos para dizer que chegaríamos tarde, pois a cerração era muito forte, minha mãe disse que voltássemos e ouvi o pai dizer que:era para cada um dormir em um quarto e mamãe disse que eu estendesse a cama para ele no quarto dele.
Chegamos na estância, avisamos que iríamos passar a noite, eu disse que pegasse um vinho e que pegasse o colchão da minha cama e colocasse na frente da lareira que eu iria tomar banho,e coloquei a outra roupa que havia levado,meu abrigo de moletom e uma blusa de moletom, claro que não coloquei a calcinha ,só havia a que eu estava usando, não costumávamos deixar roupas, pelo menos deste tipo na estância, na verdade vamos lá,mas não moramos e quando vamos levamos tudo, sai do banho e o fogo estava aceso, ele foi para o banho e eu fiquei tomando um vinho já na beira da lareira. Quando ele saiu do banho, mais precavido havia trazido uma muda de roupa completa,e apareceu só de bombacha e camiseta, claro né, na beira do fogo não sentiríamos muito frio e além do mais nossas brincadeiras sempre esquentavam um pouco kkkkk.
Sentamos e começamos a beber, conversar e trocávamos beijos a cada hora mais acalorados, até que ele colocou a mão no meu seio, e eu deixava tudinho, e foi quando tirou minha blusa de moletom e caiu faminto nos meus seios, chupava na volta da aréola, depois mordia o bico, enquanto enchia a mão com o outro seio, e começou a alternar entre um seio e outro, eu já completamente molhada e ele me deitou no colchão e puxou minha calça fazendo com que eu ficasse peladinha deitada no colchão, me deu um longo e demorado beijo na boca, e começou a descer, chupou meu pescoço, desceu até os seios e lambeu, chupou e cuspiu, nossa me senti uma vadia, e o cuspe me deixou com mais tesão, ele então foi descendo e lambeu meu corpinho todo, até chegar no meio das minhas pernas, mas não foi direto na bucetinha, lambeu e beijou a parte interna das coxas e eu pedindo para que me chupasse e foi quando ele lambeu meus grandes lábios, e fui nas nuvens, meteu a língua dentro da minha xaninha e começou a brincar com meu grelinho, chupava forte parecia que queria arrancar, depois mordiscava de levinho, nossa eu assim iria gozar logo...logo e sussurrando pedi que tirasse a camiseta e a bombacha, quando se levantou e ficou nu, eu fiquei de joelhos no colchão e comecei a mamar muito aquela pica gostosa, pediu que chupasse as bolas, que lambesse aquele espacinho entre o saco e o ânus, hoje sei que é períneo...rsrs...e chupei gostoso, ele gemia e voltei a me dedicar a pica, queria leite, e queria leitinho na boquinha, eu bem safada pedia porra na boca e foi então que ele me deitou na cama, e se colocou em cima de mim de maneira que fizéssemos um 69, e me disse que eu só chupasse quando ele parasse de chupar minha bucetinha, e começou a enfiar aquela língua gostosa dentro de mim e a morder meu grelinho, quando percebeu que eu ia me acabar,parou e mandou eu chupar, e cai de boca na pica gostosa, e mamei muito, até tentei enfiar toda na minha boca, mas um bom pedaço ficou de fora, e quando ele disse que logo, logo iria gozar eu parei,e voltou a me chupar e eu avisei que ia acabar ele chupou com mais força e eu também até que senti os jatos de porra invadirem minha boca e aquilo me enlouqueceu fazendo com que eu ME ACABASSE gostoso na boca do meu macho. Ficamos nos recuperando dos orgasmos deitados um ao lado do outro, e voltamos logo aos beijos e amassos gostosos e como é bom ser jovem,pois a pica estava dura de novo, pediu que eu fosse para cima dele e fui, pediu para que eu abrisse minha xaninha e esfregasse na pica, e sentadinha eu esfregava minha bucetinha, meu grelinho até deixar aquela pica toda melada, me puxou para cima dele e encaixou a pica na entradinha da bucetinha, deixei, e ele meteu um pouco e doeu, falei que assim ele iria me tirar a virgindade, ele sorriu maliciosamente dizendo:
(ELE)-Hoje tu vai perder o cabaço,
aquilo mexeu comigo, será que era hora e sai de cima dele, deitei do lado e falei:
(eu)-MINHAS AMIGAS DIZEM QUE DOÍ;
(ELE)-Prometo fazer com carinho, qualquer coisa eu paro.
Deitou sobre mim, colocou-me na posição de frango assado e lambeu bem minha bucetinha, e colocou a cabecinha, ia forçando meu selinho, mas começou a doer e pedi para parar, ele entre meio bravo e decepcionado deitou ao meu lado, e fui para cima, coloquei a ponta da pica dentro de mim e fui descendo, começou a doer de novo e eu ia parar,mas o safado levantou com força o quadril e a PICA ENTROU TODA, dei um GRITO e me disse que era para mexer, comecei a mexer mas vi muito sangue, me assustei, eu mexia pois me dizia que iria ficar bom, mas tava doendo muito e eu sai de cima dele e corri para o banheiro e tranquei a porta, fui me lavar e no chuveiro eu pensava:
>”Agora foi meu selinho”


Reportagem especial (UOL)
Dona de Casa revela na Internet: A pílula milagrosa que curou a disfunção erétil do MARIDÃO pra sempre! Ler matéria


Leia também
Paulinho nos viciou e nos vendeu há 8 horas

Eu fora usada por meu primo Paulinho e seu amigo ao mesmo tempo uma noite i...
renata Jovens 39


CRENTE NOVINHA há 9 horas

Bem vou ser bem breve, tenho uma babá que cuida de meus filhos, novinha, l...
tigreraiado Virgindade 42


UMa vizinha especial mandei rola na sua buceta há 11 horas

Diogo,19 anos sou moreno alto, com um pau de 18 cm adoro sexo, mas atualmen...
laureen Heterosexual 31


fudendo a bucetona da minha vizinha há 11 horas

Sou estudante moro com minha mãe. Sou amigo de todos adoro ter amizades s...
laureen Heterosexual 19


QUEM QUER FUDER MINHA BUCETA , SEXO TESÃO há 11 horas

Tenho 24 aninhos de pura safadeza agora estou sozinha novamente meu ex mari...
laureen Heterosexual 15


SOU TRAVECO, MAS ADORO FUDER UMA BUCETA TB há 11 horas

Bem o que vou narrar aqui hoje nunca tinha imaginado que poderia acontecer ...
laureen Fetiches 28